Autor: Felipe marre Andrade Barcelos - DN 21.03.1982

Uma criança de aproximadamente 10 (dez) anos, um menino, foi vítima de violência sexual, na cidade de Campinorte, no norte de Goiás, nesta quinta-feira (20), segundo a polícia civil em Uruaçu-GO.

A criança conseguiu fugir e contou o episódio aos familiares. O pai e o tio do garoto foram atrás de Felipe e prenderam o indivíduo.

Segundo o Delegado, Rafhael Neris Barboza, a equipe de polícias foi procurada por G. L., juntamente com seu irmão D. L. M., onde ambos haviam prendido a pessoa de Felipe Marre Andrade Barcelos, 37 anos, possível autor de estrupo da criança,Y.M.S nas proximidades de um setor de Campinorte, no norte de Goiás.

Felipe Marre Andrade Barcelos relatou que ofereceu um tablet para a criança e este não aceitou, em seguida o segurou para que não corresse e então retirou sua parte íntimas da roupa e as esfregou no menor, relatou que teria intenção de praticar o ato sexual com o menor. O indivíduo preso em Campinorte possuía condenações anteriores por outros crimes sexuais no Espírito Santo, cuja somatória de penas chega a incríveis 37 anos de reclusão.

Diante do fato foi acionado o conselho tutelar, e o autor, e vítima foram conduzidos ao Hospital Municipal para confecção do relatório médico, é logo em seguida a DP de Uruaçu todos os envolvidos, juntamente com o conselho tutelar.  A pena prevista para esses casos variam de oito a quinze anos de prisão.