A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia (DP) de Vianópolis, após rápida investigação e representação ao Judiciário, cumpriu nessa quarta-feira (15) mandados de prisão preventiva expedidos em face dos suspeitos Ramires de Souza Grizoni, 25 anos, e Marta Alves de Souza, 53 anos, mãe e filho.

Segundo investigado, no último domingo (12) a vítima J. P. M., que é usuária de drogas, estava mostrando um vídeo íntimo de terceiros para conhecidos quando Marta Alves disse que ele poderia responder processo por isso, momento em que aquela agrediu esta.

No final da tarde do mesmo dia, quando a vítima já se encontrava na casa de um familiar no bairro São Vicente, Ramires passou a atirar pedras e proferir xingamentos para forçar a vítima sair e, quando J. P. M. apareceu, Marta atirou pedras nela e entregou uma faca para Ramires, que esfaqueou a vítima na região torácica, causando sua morte. Marta e Ramires fugiram em seguida.

Ramires responde a processos criminais por homicídio na Comarca de Leopoldo Bulhões e por tráfico de drogas em Vianópolis.

Após o cumprimento dos mandados, os investigados foram interrogados e serão indiciados pelo crime de homicídio qualificado. Os dois foram encaminhados ao presídio da comarca onde permanecerão à disposição da Justiça.