Em esforço abnegado a equipe da Delegacia de Campinorte, com apoio dos investigadores da Delegacia de Mara Rosa, esclareceram as circunstâncias dos crimes que vitimou o casal, Alan Pereira dos Santos e Jéssica Rodrigues Xavier, no dia 25 de novembro de 2018, na cidade de Campinorte.

Comprometidos com a investigação, os Policiais Civis designados não mediram esforços e conseguiram, rapidamente, aclarar integração dos maiores Gustavo Gonçalves Miranda, Luciano Ferreira de Sousa, Maura Maria Borges, Ingrid Rodrigues Ferreira, e dos menores, P.H.P.S e J.M.P.M.S na execução do duplo homicídio.

Têm-se que os envolvidos, jungidos pelo sentimento de vingança, encaminharam o jovem casal a mata do loteamento do Setor Residencial e lá executaram Alan e Jéssica, com disparos de arma de fogo, não possibilitando a defesa das vítimas.

Motivados por apresentar uma resposta célere e satisfatória a sociedade, a POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DE GOIÁS, por meio de seus investigadores, deu cumprimento a mandados de prisão, representados pelo Autoridade Policial, Dr. Natalício Cardoso da Silva, e expedidos em face de Gustavo e Maura.

Durante o cumprimento dos mandados de prisão, os Policiais Civis encontraram na residência de Gustavo e Maura, a arma de fogo utilizada no duplo homicídio e várias porções de drogas, fator que ensejou a autuação em flagrante delito pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de ambos.

Logo em seguida, com o resultado das investigações, foram cumpridos mandados de internação em desfavor dos menores P.H.P.S e J.M.P.M.S, os quais tiveram participação efetiva na execução do duplo homicídio.

Ademais, na trajetória investigativa, ficou delineado a participação de outros envolvidos, a saber, Luciano Ferreira de Sousa, possuidor do revólver calibre 38 utilizado na execução dos crimes, além de Ingrid Rodrigues Ferreira, que esteve no cenário criminoso e concorreu para a morte do casal.

Apresentamos o resultado desta investigação para informar a sociedade de CAMPINORTE e região, que a POLÍCIA CIVIL sempre estará à disposição da comunidade e por meio de suas equipes era exercer sua missão de esclarecer não apenas crimes com essa repercussão, mas todos que sejam levados ao seu conhecimento.

Sublinhamos que todos os crimes com resultado morte, ocorridos na circunscrição policial de Campinorte e Mara Rosa, no ano de 2018, foram esclarecidos e com autorias definidas, estando seus respectivos executores (autores imediatos e mediatos) presos à espera da reprimenda legal concreta.

Em final, nos comprometemos, sempre, em bem servir nossa comunidade com acuidade, esmero e eficiência.

Relembre o caso

Casal de adolescentes de Campinorte está desaparecido desde da madrugada de domingo

Corpos de casal que estavam desaparecidos são encontrados em uma área verde de um loteamento em Campinorte

POLÍCIA CIVIL DE CAMPINORTE DESVENDA DUPLO HOMICÍDIO E REALIZA PRISÕES

DELEGACIA DE CAMPINORTE REALIZA A APREENSÃO DE DOIS MENORES, POR ENVOLVIMENTO EM HOMICÍDIOS

Faça sua parte: DENUNCIE através dos telefones 197 e 3347-3181

EQUIPE POLICIAL:
Natalício Cardoso da Silva – Delegado
Joecy Pereira – Agente
Reinaldo Soares – Agente
Joeldes Luzelik – Agente
Jakeline Sousa – Agente
Rafael Regino – Agente
Eleone França – Escrivão
Paulo Henrique – Escrivão