Policiais civis da Delegacia de Polícia (DP) Goianira prenderam em flagrante, na quarta-feira(05), Juciraide Julia Silva Costa, 55 anos, e seu filho, Julianderson Julio Silva Monteiro, 26 anos, logo depois de terem feito compra em loja de móveis e eletrodomésticos no Residencial Triunfo, aquisição durante a qual utilizaram identidades falsas.

Durante a ação policial para elucidar o fato, coordenada pelo delegado Bruno Costa e Silva, os policiais civis apreenderam duas carteiras de identidade falsas com a fotografia da mulher, que já teria feito outras cinco compras no mesmo estabelecimento. Averiguou-se, também, que ela já teria utilizado pelo menos outros dois documentos falsos desde 2016.

Segundo a autoridade policial, há registros de que a autora também utilizava os documentos para abrir contas bancárias e fazer empréstimos consignados em nome de outras vítimas, geralmente aposentadas. As investigações prosseguem com vistas à elucidação eessas condutas. Os prejuízos causados pelos suspeitos estão estimados em mais de R$ 20 mil.

A última compra na loja foi realizada na terça-feira (04), quando a mulher e seu filho adquiriram um fogão de bancada por meio de identidade falsa para abertura de crediário. O eletrodoméstico foi recuperado pela Polícia Civil e restituído ao comerciante.